(41) 3222-2333

©2020 por Clínica Saint Paul Curitiba. Orgulhosamente criado por Clicaria

  • Dr. Rubens Celso Miecznikowski

BLEFAROPLASTIA


INDICAÇÃO

A blefaroplastia é o tratamento cirúrgico das pálpebras superiores e inferiores. Tratamos o excesso de pele, flacidez muscular e bolsas palpebrais. A queda da sobrancelha (olhar triste) é tratado por videoendoscopia com pequena incisão no couro cabeludo. ORIENTAÇÕES

1. Anestesia – normalmente local e sedação. 2. Tempo cirúrgico – de uma a duas horas. 3. Cicatriz – as incisões na pele são imperceptíveis – pálpebra superior ou sulco palpebral e pálpebra inferior rente aos cílios. 4. Quando operamos pela parte interna da pálpebra inferior para remoção das bolsas inferiores a cicatriz é inexistente. PRÉ OPERATÓRIO

1. Exames laboratoriais. 2. Estudo fotográfico da região. 3. Comparecer na clínica em jejum. 4. Não usar maquilagem, esmalte nas unhas das mãos e joias. 5. Levar para a clínica óculos escuros. 6. Caso apresente algum sintoma (febre, gripe, infecção), avisar com antecedência. 7. Recomendamos uso de homeopatia para atenuar equimose (roxos) e melhorar a cicatrização. 8. Não tomar medicamentos que contenha acido acetilsalicílico (AAS, Aspirina, Rhonal, Buferim) pelo menos uma semana antes da cirurgia, pois estas aumentam a possibilidade de sangramento. 9. Não tomar medicamentos para emagrecimento pelo menos 10 dias antes da cirurgia. 10. Evitar fumar. PÓS OPERATÓRIO

1. Dor – a cirurgia e pós operatório são indolores. 2. Tempo de internação – 12 horas. 3. Compressas geladas – com soro fisiológico ou água boricada nas primeiras 24 horas. 4. Alimentação – normal. 5. Edema (inchaço) equimose (roxo) – aumentam até o segundo dia e progressivamente vão desaparecendo. 6. Esforços Físicos – evitar na primeira semana. 7. Sol – evitar exposição no primeiro mês, usar óculos escuros, aplicar bloqueador solar. 8. Maquilagem – liberada após a primeira semana. EVOLUÇÃO

Toda cirurgia envolve um período de recuperação que inadvertidamente pode chamar a atenção de outras pessoas. Após o primeiro mês, quando a cicatrização já se estabeleceu, a estética da região palpebral estará melhorada. RESULTADO FINAL

Normalmente até o quarto mês a pele muscular das pálpebras já se acomodou ao tratamento cirúrgico realizado, marcamos então reavaliação com estudo fotográfico e discutiremos sobre possibilidade de algum retoque, procedimento, aliás, normal em cirurgia plástica.